A EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NO SÉCULO XXI : A EXPANSÃO DA EDUCAÇÃ A DISTÂNCIA NESTA MODALIDADE DE ENSINO

Desire Luciane Dominschek, Gabriele de Andrade Pilletti

Resumo


O artigo buscar compreender os processos que ocorreram a efetivação da Educação de Jovens e Adultos buscando ressaltar as dificuldades que os alunos possuem, visto as demandas do século XXI, como a introdução do jovem no mercado de trabalho. Tratar das novas demandas deste século é imprescindível um olhar para a aprendizagem através das novas plataformas virtuais disponíveis e acessíveis. Se a Educação de Jovens e Adultos se encontra fragmentada, ou até tida como desnecessária, apresentamos neste artigo a necessidade de uma formação que garante o pleno desenvolvimento do aluno e do tutor, na visão da Educação por EaD, que é um campo que está em desenvolvimento e que encontra dificuldade tanto na acessibilidade e na permanência, levando em conta o outro do viés do tutor que prepara e orienta as rotas de aprendizagem para os alunos que estão em processo de alfabetização. O objetivo deste artigo é retratar o tutor, e como é realizado seu trabalho para os jovens, com seus anseios e dificuldades, bem como os pontos positivos. Analisar a Educação de Jovens e Adultos a distância é encontrar dificuldades e retratar a desistência e/ou a persistência, mesmo com a dificuldade devido ao trabalho ou as relações sociais, mas também mostrar o quanto tem crescido e dado oportunidade de acesso ao ensino médio e a formação continuada.

Palavras-chave


Educação a Distância. Tutor. Educação de Jovens e Adultos.

Texto completo:

PDF

Referências


REFERÊNCIAS

ANTUNES, Caio. A educação em mészáros: trabalho, alienação e emancipação. Campinas, SP : Autores Associados, 2012.

BELLONI, Maria Luiza. Educação a distância. – 7 ed. – Campinas, SP : Autores Associados, 2015.

BRASIL. Constituição da república dos estados unidos do brasil de 1891. Promulgada em 24 de Fevereiro de 1891. Disponível em: .

______. Constituição da república federativa do brasil de 1988. brasília, em 18 de fevereiro de 2016. Disponível em: .

______. Lei de diretrizes e bases da educação nacional. lei nº 9.394/96, de 20 de dezembro de 1996. Disponível em: .

______. Ministério da Educação Conselho Nacional de Educação. Consulta tendo em vista a resolução cee/sc 64/98 e cne/ceb 01/2000. Despacho do Ministro em 13/6/2001, publicado no Diário Oficial da União de 15/6/2001, Seção 1, p. 69. Relator: Sylvia Figueiredo Gouvêa. Disponível em: .

DI PIERRO, Maria Clara. Visões da educação de jovens e adultos no brasil. Cadernos Cedes, ano XXI, nº 55, Novembro/2001.

DI PIERRO, Maria Clara, HADDAD, Sérgio. Escolarização de jovens e adultos. Revista Brasileira de Educação, 2000, nº 14.

FREIRE, Paulo. Educação como prática da liberdade. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 2002.

____________. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à pratica educativa. 50ª ed – Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2015.

____________. Pedagogia do oprimido. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 2005.

GADOTTI, Moacir. Paulo freire : uma biobibliografia. – são paulo : cortez : instituto paulo Freire, DF : UNESCO, 1996.

MALANCHEN, Julia. Políticas de formação de professores a distância no brasil : uma análise crítica. – campinas, sp : autores associados, 2015. (coleção formação de professores).

MARTINS, Lígia Márcia. A formação social da personalidade do professor: um enfoque vigotskiano. – 2. Ed. – Campinas, SP: Autores Associados, 2015. (Coleção formação de professores).

MOURA, Vera Lucia Pereira da Silva. Educação de jovens e adultos: as contribuições de paulo freire. Universidade Católica Dom Bosco, 2014. Disponível em: . Acesso em: 30 out. 2018.

ORSO, Paulino José, et al. Sociedade capitalista, educação e as lutas dos trabalhadores. – 1. ed. - São Paulo : Expressões, 2014.

PAIVA, Vanilda. Mobral: um desacerto autoritário I, II e III. Rio de Janeiro: Síntese, Ibrades, n. 23-24. 1981-1982.

SEVERINO, Antônio Joaquim. Metodologia do trabalho científico. – 23. Ed. Ver. e atualizada – São Paulo : Cortez, 2007.

SOARES, Leôncio. O educador de jovens e adultos e sua formação. educação em Revista. Belo Horizonte. n. 47, p.83-100. Jun. 2008.




DOI: https://doi.org/10.17564/2316-3828.2020v8n3p455-468


Indexada em: