POLÊMICAS EM CURRÍCULO E ENSINO DE HISTÓRIA: UMA ENTREVISTA COM KEITH C. BARTON

Resumo

Essa é uma entrevista com o Professor Dr. Keith Casey Barton, um dos grandes nomes do Ensino de História nos Estados Unidos da América, sobre as polêmicas que envolvem a formatação de currículos e o ensino de História na atualidade. Os principais tópicos abordados são: as relações entre História e Estudos Sociais; as tentativas malogradas de elaboração e implementação de parâmetros curriculares nacionais de História nos Estados Unidos nos últimos 30 anos; as tensões políticas e acadêmicas em torno da elaboração dos currículos de História nos EUA; a natureza e a importância conferida ao ensino de História na atualidade; possíveis conexões entre currículos estaduais, livros didáticos e avaliações nacionais de desempenho estudantil; o lugar ocupado pelas minorias nos currículos de História.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cristiano de Jesus Ferronato, Universidade Tiradentes
Doutor em Educação com ênfase em História da Educação pela Universidade Federal da Paraíba (2012), Mestre em Educação pela Universidade Federal da Paraíba (2006) e Graduado em História pela Universidade Estadual de Maringá (2003). Professor PPG PLII e Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Tiradentes - UNIT - em Aracaju, Sergipe, na linha de Educação e Formação Docente. Pesquisador do Instituto de Tecnologia e Pesquisa-ITP. Foi Coordenador de Pesquisa da Universidade Tiradentes, no período de agosto de 2014 a outubro de 2015 desenvolvendo ações de planejamento de projetos de pesquisa e gestão de bolsas de Iniciação Científica e desenvolvimento tecnológico junto aos órgãos de Fomento: CNPq, CAPES, FAPITEC-SE. Coordenador do Programa de Pós Graduação em Educação da Universidade Tiradentes. Membro do Comitê Científico e do conselho consultivo da Editora Universitária Tiradentes - EDUNIT. Pesquisador associado aos grupos de pesquisa: Grupo de Pesquisa História da Educação no Nordeste Oitocentista (GHENO-PB), HISTEDBR (GT-PB) é líder do Grupo de Pesquisa História da Educação no Nordeste (GPHEN). Desenvolve pesquisas no campo da História da Educação, com foco especial sobre a instrução no oitocentos brasileiro
Maíra Ielena Cerqueira Nascimento, Universidade Federal de Sergipe
Maíra Ielena Cerqueira Nascimento concluiu a licenciatura em História pela Universidade Federal de Sergipe em 2006. Atuou como professora de História das redes pública e privada de ensino de Sergipe entre os anos de 2007 e 2009. Foi Coordenadora de Educação Patrimonial da Subsecretaria de Estado do Patrimônio Histórico e Cultural de 2009 a 2013. É especialista em ?Ensino de História: Novas Abordagens? pela Faculdade São Luís de França (2012). É mestre em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação da UFS (2013-2015), tendo desenvolvido pesquisa sobre os currículos estaduais de História voltados à escolarização básica nos Estados Unidos da América junto ao ?Grupo de Pesquisas em Ensino de História? (CNPq/UFS). Atualmente, é membro dos grupos de pesquisas sobre Ensino de História (GPEH/UFS) e Espaços, Poder e Práticas Sociais (CNPq/UFRN), Grupo de Pesquisa História da Educação no Nordeste Oitocentista (GT/SE), professora voluntária do projeto EDUCATRANS e pesquisadora colaboradora voluntária da Comissão Estadual da Verdade "Paulo Barbosa de Araújo". Tem experiência nas áreas de Ensino de História, Currículo e Patrimônio Cultural.
Publicado
2017-10-14
Como Citar
Ferronato, C. de J., & Cerqueira Nascimento, M. I. (2017). POLÊMICAS EM CURRÍCULO E ENSINO DE HISTÓRIA: UMA ENTREVISTA COM KEITH C. BARTON. Interfaces Científicas - Educação, 6(1), 213-224. https://doi.org/10.17564/2316-3828.2017v6n1p213-224
Seção
Dossiê