AMPLIANDO A SALA DE AULA NO CONTEXTO DA CIBERCULTURA: EXPERIÊNCIA COM O USO DO SKYPE NO ENSINO FUNDAMENTAL

  • Graça Regina Armond Matias Ferreira Secretaria de Educação do Estado da Bahia
  • Lorena Andrade Matias Colégio Bom Pastor
Palavras-chave: Cibercultura, Letramento científico, Metodologias Ativas, Skype .

Resumo

Com a difusão do conhecimento, e a ressignificação da cultura digital, na atualidade, o ambiente escolar como espaço formador da cidadania, precisa repensar as práticas pedagógicas, visto que observamos os artefatos interativos cada vez mais presentes no cotidiano dos educandos. Neste contexto, com a diversidade das Tecnologias Digitais em Rede (TDR), dentre elas o Skype, a presente pesquisa objetivou relatar uma experiência de ampliação da sala de aula, apropriando-se desse artefato para dialogar e promover uma aula interativa. Com esse propósito os estudantes realizaram uma entrevista com profissional que se encontrava distante geograficamente da aula do Ensino Fundamental I. Concluímos que muitas são as contribuições da utilização de tecnologias para a docência, dentre elas: a melhor utilização do tempo e espaço na sala de aula e a transformação do ambiente de aprendizagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Graça Regina Armond Matias Ferreira, Secretaria de Educação do Estado da Bahia
Professora de Biologia do Programa EMITec/SEC/BA. Licenciado em Ciências Biológicas (UCSAL). Especialista em Tecnologias Educacionais (PUC-RJ). MBA em Gestão Ambiental (FACCEBA). Especialista em Mídias Educacionais (UESC). Mestre em Engenharia Ambiental e Urbana (UFBA) e Doutoranda em História, Filosofia e Ensino de Ciências – (UFBA). Integrante do grupo de estudo RIZOMA (UEFS/UFBA). E-mail: ginamatias@gmail.com.
Lorena Andrade Matias, Colégio Bom Pastor
Licenciada em Pedagogia (UNIRIO). Especialista em Gestão da Educação Básica (UERJ). Professora da Escola Gênesis, Bahia atuando como coordenadora de projetos baseados na metodologia STEAM (Ciências, Tecnologia, Engenharia, Artes e Matemática) em uma Sala Maker e Professora particular, atuando na alfabetização e acompanhamento pedagógico individualizado. E-mail: lorenamatias1210@gmail.com

Referências

ALMEIDA, M.E.B. Integração currículo e tecnologias: concepção e possibilidades de criação de web currículo. In: ALMEIDA, M.E.B.; ALVES, R.M.; LEMOS, S.D.V. (Orgs.). Web currículo: aprendizagem, pesquisa e conhecimento com o uso das tecnologias digitais. Rio de Janeiro: Letra Capital, 2014, p. 20-38.

ALMEIDA, M.E.B. Apresentação [Prefácio]. In: BACICH, L.; MORAN, J. (Orgs.) Metodologias Ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico-prática. Série Desafios da Educação. Porto Alegre: Penso, 2018.

ALONSO, Kátia Morosov. Novas Tecnologias e formação de professores: um intento de compreensão. In: PRETI, Oreste. Educação a Distância: construindo significados. Cuiabá: NEAD/IE – UFMT; Brasília: Plano, 2000, p.89-104.

ALVES, A. L.; PORTO, C. (de) M. “WhatsAula”: aprendizagem colaborativa em movimento. Editora UFPB. João Pessoa. 2019

BACICH, L.; MORAN, J. (Orgs.) Metodologias Ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico-prática. Série Desafios da Educação. Porto Alegre: Penso, 2018.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Educação é a Base. Brasília, MEC/CONSED/UNDIME, 2018. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf. Acesso em: 20/12/2019.

CASTELLS, Manoel. Sociedade em rede. Tradução de Roneide Venâncio Majer. São Paulo: Paz e Terra, 1999.

DORIGONI, G. M. L.; SILVA, J. C. da. Mídia e Educação: o uso das novas tecnologias no espaço escolar. Portal Dia a Dia Educação, [Curitiba], p. 1-18, 2007. 2 v. Disponível em: Acesso em: 10 nov. 2016.

FREIRE, Paulo. Pedagogia do oprimido. 17ª ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

GOMES, Margarita Victoria. Educação em rede: uma visão emancipadora. São Paulo: Cortez, 2004.

MATTAR, J. Metodologias Ativas para a educação presencial, Blended e a distância. Editora Artesanato Educacional. 2017.

MORAN, J. M.; MORAN COSTAS, José Manuel. Metodologias ativas para uma aprendizagem mais profunda. In: Lilian Bacich, José Moran. (Org.). Metodologias ativas para uma educação inovadora. 1ed.: , 2018, v. 1, p. 1-25. Disponível em: http://www2.eca.usp.br/moran/wp-content/uploads/2013/12/metodologias_moran1.pdf. Acesso em: 20/12/2019.

MORAN, J. M. Ensino e aprendizagem inovadores com tecnologias. Informática na Educação: Teoria & Prática, [Porto Alegre], v. 3, n. 1, p. 137-144, set. 2000.

MORAN, José Manuel. Atividades & Experiências: As múltiplas formas de aprender. In: Tecnologia na Educação: ensinando e aprendendo com as TIC’s. pg. 170 -173. Brasília: Ministério da Educação. 2005.

MORAN, J. M. A educação que desejamos: Novos desafios e como chegar lá. Campinas: Papirus, 2007.

MORAN, José Manuel. Como utilizar a Internet na Educação. Disponível em

MORAN, José Manuel. BOCICH, Lilian. Aprender e ensinar com foco na educação híbrida. Disponível em < http://www.grupoa.com.br/revista- patio/artigo/11551/aprender-e-ensinar-com-foco-na-educacao-hibrida.aspx . Acesso em: 20/12/2019.

MOORE, Michel; KEARSLEY, Greg. Educação a distância: uma visão integrada. São Paulo: Cengage Learning, 2008.

MORAES, Maria Cândida. O paradigma educacional emergente. 13.ed. Campinas/BR: Papirus, 2007. (Coleção “Práxis”). ISBN 85-308-0478-3.

PORTO, C.; OLIVEIRA, K. E.; CHAGAS, A. Whatsapp e a educação: Entre mensagens, imagens e sons. Salvador: EDUFBA, 2017.

PRETI, Oreste (org.). Educação a Distância: construindo significados. Cuiabá: NEAD/IE – UFMT; Brasília: Plano, 2000.

SANTAELA, L. Navegar no Ciberespaço: o perfil cognitivo do leitor imersivo. São Paulo: Palus, 2004.

SANTIAGO, Larisse Barreira de Macêdo et al. Uso dos artefatos tecnológicos virtuais e digitais na escola. ARTEFACTUM – Revista de Estudos em Linguagem e Tecnologia, ano VIII, n° 02, 2016.

SANTOS, E. A. A. Cibercultura e a educação em tempos de mobilidade e redes sociais: conversando com os cotidianos, In: FONTOURA, Helena Amaral as; SILVA, Marco (Orgs). Práticas Pedagógicas, Linguagem e Mídias: desafios à Pós-Graduação em Educação em suas múltiplas dimensões. Rio de Janeiro: ANPED Nacional, 2011, p.75-98. Disponível em< http://www.fe.ufrj.br/anpedinha2011/ebook1.pdf. Acesso em: 16 out. 2019.

Publicado
2020-11-16
Como Citar
Ferreira, G. R. A. M., & Matias, L. A. (2020). AMPLIANDO A SALA DE AULA NO CONTEXTO DA CIBERCULTURA: EXPERIÊNCIA COM O USO DO SKYPE NO ENSINO FUNDAMENTAL. Interfaces Científicas - Educação, 10(2), 95-109. https://doi.org/10.17564/2316-3828.2020v10n2p95-109