REPRESENTAÇÕES SOCIAIS E CORPORAIS DE PROFESSORES UNIVERSITÁRIOS NO FACEBOOK

  • Ramon Missias-Moreira Universidade Federal da Bahia
  • Edvaldo Souza Couto Universidade Federal da Bahia
Palavras-chave: Cibercultura, Representações sociais, Representações corporais, Facebook e educação, Professores de Educação Física

Resumo

O artigo apresenta resultados de uma pesquisa que objetivou apreender as representações sociais e corporais produzidas por um grupo de professores universitários de cursos de Educação Física no Facebook. O campo teórico da investigação foi a Teoria das Representações Sociais e os Estudos sobre a Cibercultura. O método utilizado foi o qualitativo, de cunho descritivo e analítico e as estratégias metodológicas utilizadas foram questionário semiestruturado e diálogo com os pesquisados por meio do Messenger. Os dados produzidos foram tratados, organizados e analisados de acordo com a Técnica de Análise de Conteúdo. Os resultados foram apresentados e discutidos tomando-se como princípio de análise a interpretação das unidades de análise que emergiram dos conteúdos dos professores pesquisados. A pesquisa concluiu que as representações corporais, dentro da perspectiva da educação e da cibercultura, são esses próprios professores universitários em sua interação, experimentação, doação, recepção, integração, conectando-se e mostrando-se ao mundo de forma livre e mais completa apenas por alguns cliques no Facebook.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ramon Missias-Moreira, Universidade Federal da Bahia
Doutorando em Educação pela Universidade Federal da Bahia. Mestre em Saúde Pública pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia. Especialista em Atividade Física, Educação e Saúde para Grupos Especiais pela Faculdade da Cidade do Salvador. Licenciado Pleno em Educação Física pela UESB.
Edvaldo Souza Couto, Universidade Federal da Bahia
Possui pós-doutoramento em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Doutorado em Educação (UNICAMP), Mestrado em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e graduação em Licenciatura Plena em Filosofia pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). É professor Titular na Universidade Federal da Bahia (UFBA), no Departamento de Educação II. É professor permanente no programa de pós-graduação em Educação e um dos coordenadores do GEC: Grupo de pesquisa Educação, Comunicação e Tecnologias. É bolsista do CNPq (PQ 2).

Referências

BARDIN, Lawrence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 2011.

BENJAMIN, Walter. Magia e técnica, arte e política. 7 ed. São Paulo: Brasiliense, 1994.

BRASIL. Normas aplicáveis a pesquisas em Ciências Humanas e Sociais. Resolução 510 de 07 de abril de 2016. Conselho Nacional de Saúde. Brasília: 2016.

COUTO, Edvaldo S. Corpos voláteis, corpos perfeitos: estudos sobre estéticas, pedagogias e políticas do pós-humano. Salvador: EDUFBA, 2012.

COUTO, Edvaldo S.; GOELLNER, Silvana V. (org.) O triunfo do corpo. Polêmicas contemporâneas. Petrópolis: Editora Vozes, 2012.

DEBORD, Guy. A sociedade do espetáculo. Rio de Janeiro: Contraponto, 1997.

GARCIA, Angela C. et al. Ethnographic approaches to the internet and computer-mediated communication. Journal of Contemporary Ethnography, v. 38, n. 52, p. 52-84, 2009.

JODELET, Denise. Le corps, la persone et autrui. In: MOSCOVICI, S. (Org.). Psychologie sociale des relations a autrui. Paris: Nathan, 2000, p. 41-68.

LE BRETON, David. Adeus ao corpo: antropologia e sociedade. Tradução de Marina Appenzeller. São Paulo: Editora Papirus, 2015.

LEMOS, André; LÉVY, Pierre. O futuro da internet. Em direção a uma ciberdemocracia planetária. São Paulo: Editora Paulus, 2010.

LÉVY, Pierre. A inteligência coletiva: por uma antropologia do ciberespaço. São Paulo: Edições Loyola, 2003.

LÉVY, Pierre. Cibercultura. Tradução de Carlos Irineu da Costa São Paulo: Editora 34, 1999.

MINAYO, Maria C.; DELANDES, Suely F.; GOMES, Romeu. Pesquisa social: teoria, método e criatividade. Petrópolis: Editora Vozes, 2012.

MISSIAS-MOREIRA, Ramon. Representações corporais de professores universitários de Educação Física no Facebook. 2017. 248f. Tese (Doutorado em Educação). Faculdade de Educação, Universidade Federal da Bahia, Salvador. 2017.

MOSCOVICI, Serge. Memórias, rituais e ciber-representações. In: CASALEGNO, Federico. Memória cotidiana: comunidade e comunicação na era das redes. Porto Alegre: Sulina, 2006.

MOSCOVICI, Serge. Representações sociais: investigações em psicologia social. Petrópolis: Vozes, 2015.

MORGADO, José C.; SANTOS. Lucíola L. C. P.; PARAÍSO, Marlucy A. Estudos curriculares: um debate contemporâneo. Curitiba: CRV, 2013.

PORTO, Cristiane; SANTOS, Edméa (org). Facebook e educação. Publicar, curtir, compartilhar. Campina Grande: Editora EDUEPB, 2014.

RUDIGER, Francisco. As teorias da cibercultura. Porto Alegre: Editora Sulina, 2016.

SANTAELLA, Lucia. Linguagens líquidas na era da mobilidade. São Paulo: Paulus, 2007.

Publicado
2017-10-14
Como Citar
Missias-Moreira, R., & Couto, E. S. (2017). REPRESENTAÇÕES SOCIAIS E CORPORAIS DE PROFESSORES UNIVERSITÁRIOS NO FACEBOOK. Interfaces Científicas - Educação, 6(1), 163-176. https://doi.org/10.17564/2316-3828.2017v6n1p163-176
Seção
Dossiê