A EDUCAÇÃO ESPECIAL E A COVID-19: APRENDIZAGENS EM TEMPOS DE ISOLAMENTO SOCIAL

Palavras-chave: Educação Especial, COVID-19, Isolamento Social.

Resumo

A pandemia advinda da COVID-19 oportuniza que diversas lições sejam aprendidas e que novas configurações subjetivas sejam constituídas a respeito da Educação Especial e das pessoas com deficiência no enfrentamento do isolamento social imposto. As autoras elencam três lições que podem ser aprendidas com o momento atual vivenciado, apontando o quanto a pandemia pode ser excludente para aqueles que já se encontram socialmente excluídos, as pessoas com deficiência e suas famílias

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Karla Wunder da Silva, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Doutoranda em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Mestra em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Psicopedagoga e Pedagoga Especial; Integrante do Núcleo de Pesquisas sobre Aprendizagem e Processos Inclusivos (NEPAPI) na PUCRS. Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: transtorno do espectro autista, deficiência intelectual, educação inclusiva, educação especial, formação de professores e gestão educacional.
Katiuscha Lara Genro BIns, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Doutora em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Mestra em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Especialista em Alfabetização e Pedagoga Especial; Integrante do Núcleo de Pesquisas sobre Aprendizagem e Processos Inclusivos (NEPAPI) na PUCRS. Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: Educação Especial, Educação Inclusiva, Gestão dos processos inclusivos, Deficiência Intelectual, Transtorno do Espectro Autista, formação de professores, alfabetização, aprendizagem e educação de jovens e adultos
Marlene Rozek, Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Doutora em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul; Mestra em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul; Psicopedagoga e Pedagoga Especial. Integrante do comitê científico consultivo - Universidad de Zaragoza e professora do Curso de Pedagogia e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Escola de Humanidades da PUCRS. Coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre Aprendizagem e Processos Inclusivos (NEPAPI) na PUCRS. Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: psicopedagogia, subjetividade, educação inclusiva, educação especial, formação de professores e intervenção precoce na infância

Referências

GREENBERG, Raymond S. et al. Epidemiologia Clínica 3ª ed. Porto Alegre: Artmed, 2005.

SANTOS, Boaventura de Souza. A cruel pedagogia do vírus. Edições Almeida, S.A: Coimbra, 2020.

SANTOS, Boaventura de Sousa. Conhecimento prudente para uma vida decente: um discurso sobre as ciências revisitado. São Paulo: Cortez.2004

FERREIRA, W.B. EJA e Deficiência: estudo da oferta da modalidade EJA para estudantes com deficiência. In: PAIVA, J.; BARBOSA, M.J. (Orgs.). Educação de Jovens e Adultos: o que dizem as pesquisas. Recife: J. Luiz Vasconcelos, 2009. 128p.

FREIRE. Paulo. Ação Cultural para a liberdade. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1982.

MITJÁNS MARTÍNEZ, Albertina et al. Subjetividade Contemporânea. Discussões epistemológicas e metodológicas. Campinas: São Paulo. Editora Alínea, 2014.

PATRÓN, Lau. 71 Leões. Uma história sobre afeto, dor e renascimento. Caxias do Sul, RS: Belas Letras, 2018.

PEREIRA, A. M. B. A. Viagem ao Interior da Sombra: deficiência, doenças crônicas e invisibilidade numa sociedade capacitista. 2008. 257 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Centro de Estudos Sociais, Faculdade de Economia, Universidade de Coimbra, Coimbra, 2008. https://estudogeral.sib.uc.pt/handle/10316/8517

ROSEK. M. A Educação Especial e a Educação Inclusiva: compreensões necessárias. Revista Reflexão & Ação, Santa Cruz do Sul, 2009. v. 17, n. 1. p. 164-183. [versão online: p. 1-19]. Disponível em: <http://online.unisc.br/seer/index.php/reflex/article/view/918/665>. Acesso em: 20/10/2012.

WALZ, Julio. Aprendendo a lidar com os medos. São Leopoldo, RS: Sinodal, 2004.

ZILIO. Marisa Potiens. O Brasil e o problema da inclusão. In: LEBEDEFF, Tatiana Bolivar; PEREIRA, Isabella Lima e Silva Pereira. Educação Especial: olhares interdisciplinares. Passo Fundo: UPF, 2005.

Publicado
2020-09-06
Como Citar
Silva, K. W. da, BIns, K. L. G., & Rozek, M. (2020). A EDUCAÇÃO ESPECIAL E A COVID-19: APRENDIZAGENS EM TEMPOS DE ISOLAMENTO SOCIAL. Interfaces Científicas - Educação, 10(1), 124-136. https://doi.org/10.17564/2316-3828.2020v10n1p124-136