A NOÇÃO DE GÊNERO NOS LIVROS DIDÁTICOS DE SOCIOLOGIA PARA O ENSINO MÉDIO

  • Renato Kendy Hidaka Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) - câmpus Birigui
  • Gabriela Sebba Abdo Centro Universitário Toledo
Palavras-chave: Gênero, Livro didático, Sociologia

Resumo

Este artigo analisa o modo como a noção de gênero é tratada nos livros didáticos de Sociologia para o ensino médio aprovados pelo Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) para o triênio de 2015-2017. Mais precisamente, norteiam o trabalho questões como: a noção de gênero está presente enquanto conteúdo nos livros didáticos? Caso a resposta seja positiva, ela aparece relacionada à temáticas específicas? Quais são os referenciais teóricos utilizados nos livros para fundamentar a abordagem do tema? Há diferentes formas de tratamento ou verifica-se uma homogeneidade em relação à definição conceitual apresentada? Trata-se, do ponto de vista da metodologia empregada, de uma pesquisa qualitativa de análise de conteúdo de fontes primárias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renato Kendy Hidaka, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) - câmpus Birigui
Professor de Sociologia do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) - câmpus Birigui. Doutorando e mestre pelo Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais da UNESP – câmpus de Marília; Especialista em Ensino de Sociologia no ensino médio pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ); Graduado em Ciências Sociais pela UNESP. Membro do grupo de pesquisa Cultura e Política do Mundo do Trabalho, vinculado à UNESP - câmpus de Marília.
Gabriela Sebba Abdo, Centro Universitário Toledo
Graduanda em Pedagogia pelo Centro Universitário Toledo; Técnica em Administração pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP)

Referências

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70, 2002.

BRASIL. Guia de livros didáticos: PNLD 2015: Sociologia: ensino médio. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2014.

CARVALHO, Marília P., O conceito de gênero: uma leitura com base nos trabalhos do GT Sociologia da Educação da ANPEd (1999-2009). Revista Brasileira de Educação, v.16, n.46, p.99-117, 2011.

CHARLES, Nickie. Gênero. In: SCOTT, J. (Org.). Sociologia: conceitos-chave. Rio de Janeiro: Zahar, 2010.

SOUSA FILHO, Alípio de. A política do conceito: subversiva ou conservadora? - crítica à essencialização do conceito de orientação sexual. Bagoas - Estudos gays: gêneros e sexualidades, v. 3, n. 04, 27 nov. 2012.

PENNA, Fernado. A. Programa "Escola Sem Partido": uma ameaça à educação emancipadora. In: GABRIEL, C. T.; MONTEIRO, A. M.; MARTINS, M. L. B. (org.). Narrativas do Rio de Janeiro nas aulas de história. Rio de Janeiro: Mauad X, 2016, pp. 43-58

OLIVEIRA, L. F; COSTA, R. C. R. Sociologia para jovens do século XXI. 3. ed. Rio de Janeiro: Imperial Novo Milênio, 2013.

SILVA, Afrânio et al. Sociologia em movimento. 1. ed. São Paulo: Moderna, 2013.

TOMAZI, Nelson D. Sociologia para o ensino médio. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2010.

Publicado
2020-04-23
Como Citar
Hidaka, R. K., & Sebba Abdo, G. (2020). A NOÇÃO DE GÊNERO NOS LIVROS DIDÁTICOS DE SOCIOLOGIA PARA O ENSINO MÉDIO. Interfaces Científicas - Educação, 8(2), 161-174. https://doi.org/10.17564/2316-3828.2020v8n2p161-174
Seção
Dossiê