CADERNETA DA GESTANTE: AVALIAÇÃO DOS DADOS PERINATAIS

  • Yara Lima da Costa Centro Universitário Tiradentes - Unit Al
  • Dayla Brito Nicácio Centro Universitário Tiradentes - Unit Al
  • Aldrya Ketly Pedrosa Centro Universitário Tiradentes - Unit Al Universidade Estadual de Ciências da Saúde - UNCISAL
  • Maria Anilda dos Santos Araújo Centro Universitário Tiradentes - Unit Al
  • Adriana de Lima Mendonça Centro Universitário Tiradentes - Unit AL
Palavras-chave: Enfermagem, Controle de formulários e registros, Assistência pré-natal.

Resumo

Objetivo: avaliar o preenchimento dos dados perinatais contidos na Caderneta da Gestante de puérperas que tiveram seu parto realizado em uma maternidade de referência para alto risco em Alagoas. Método: estudo de caráter descritivo, delineamento transversal, com abordagem quantitativa com uma amostra de 72 cadernetas/cartões da gestante. Resultados: baixa adesão ao preenchimento das 24 variáveis estudadas, apesar disto foi possível quantificar aquelas que tiveram preenchimento, as não preenchidas e as incompletas. Foi posssível identificar diferenças altamente significativas (p-valor ≤0,0001) riscos como obesidade, raça/cor negra, idade >35 anos, estado civil “nenhum” foram identificados no pré-natal. Conclusão: uso inadequado do instrumento e déficit da gestão de saúde do estado.
Publicado
2020-11-12
Como Citar
Costa, Y. L. da, Nicácio, D. B., Pedrosa, A. K., Araújo, M. A. dos S., & Mendonça, A. de L. (2020). CADERNETA DA GESTANTE: AVALIAÇÃO DOS DADOS PERINATAIS. Interfaces Científicas - Saúde E Ambiente, 8(2), 336-346. https://doi.org/10.17564/2316-3798.2020v8n2p336-346
Seção
Artigos