PERFIL DE APTIDÃO FÍSICA, DO ESTADO NUTRICIONAL E DE QUEIXAS LOMBARES EM MENINAS COM SINTOMAS RESPIRATÓRIOS

Autores

  • Hemannuélly da Silva Rigonatto UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA
  • Taynara Barcelos Lima UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA
  • SIMONE LARA unipampa
  • Susane Graup UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA
  • Anelise Dumke UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA
  • Rodrigo de Souza Balk UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA

DOI:

https://doi.org/10.17564/2316-3798.2021v8n3p109-123

Resumo

O objetivo desse estudo foi analisar o perfil nutricional, de aptidão física e saúde e queixas de dor lombar em meninas com sintomas respiratórios. Esse estudo transversal incluiu uma amostra formada por meninas de 9 a 11 anos de idade. Inicialmente, foi aplicado o instrumento International Study of Asthma and Allergies in Childhood (ISAAC), a fim de selecionar as meninas que apresentassem sintomas respiratórios. Após, as mesmas foram submetidas a uma avaliação antropométrica (massa corporal e estatura, a fim de calcular o Índice de Massa Corporal - IMC), de força e capacidade funcional (teste de força abdominal de 1 minuto, e teste de sentar e levantar de 1 minuto, respectivamente), além de um questionário sobre queixas lombares. Como resultados, foram avaliadas 12 meninas (9,92± 0,51 anos), sendo que metade da amostra (50%) se apresentava na zona de risco quanto à força abdominal, 33,3% apresentaram risco para sobrepeso/obesidade, e 83,3% manifestaram presença de dor lombar. Ainda, das meninas que apresentaram queixas lombares, metade (50%) apresentou valores de força abdominal que indicam risco à saúde e 30% apresentaram-se em zona de risco quanto à massa corporal. Foi identificada uma correlação positiva e significativa entre a força abdominal e capacidade funcional de membros inferiores (r=0,78, p=0,003). Concluímos que existe um perfil de risco envolvendo aspectos antropométricos, de aptidão física e de queixas musculoesqueléticas em meninas com sintomas respiratórios, e ações de promoção de saúde voltadas para essa população devem ser fomentadas.

Biografia do Autor

Hemannuélly da Silva Rigonatto, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA

Acadêmica do Curso de Fisioterapia na Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, RS, Brasil

Taynara Barcelos Lima, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA

Acadêmica do Curso de Fisioterapia na Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, RS, Brasil

Susane Graup, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA

Professora do Curso de Licenciatura em Educação Física e do PPG: Educação em Ciências: química da vida e saúde, na Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, RS, Brasil

Anelise Dumke, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA

Professora do Curso de Fisioterapia na Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, RS, Brasil.

Rodrigo de Souza Balk, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PAMPA

Professor do Curso de Fisioterapia e do PPG: Educação em Ciências: química da vida e saúde, na Universidade Federal do Pampa, Uruguaiana, RS, Brasil

Downloads

Publicado

2021-06-21

Como Citar

da Silva Rigonatto, H. ., Barcelos Lima, T. ., LARA, S., Graup, S., Dumke, A., & de Souza Balk, R. (2021). PERFIL DE APTIDÃO FÍSICA, DO ESTADO NUTRICIONAL E DE QUEIXAS LOMBARES EM MENINAS COM SINTOMAS RESPIRATÓRIOS. Interfaces Científicas - Saúde E Ambiente, 8(3), 109–123. https://doi.org/10.17564/2316-3798.2021v8n3p109-123

Edição

Seção

Artigos