SÍNDROME DE BURNOUT E FATORES DE ESTRESSE LABORAL EM PROFESSORES DE ESCOLAS PÚBLICAS DO MUNICÍPIO DE CAPÃO DO LEÃO, RS

  • Ingrid Masseron Cunha Faculdade de Psicologia, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas Rio Grande do Sul, Brasil
  • Igor Soares Vieira Programa de Pós-Graduação em Saúde e Comportamento, Universidade Católica de Pelotas, Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil http://orcid.org/0000-0002-3263-8397
  • Matheus dos Santos Fernandez Faculdade de Odontologia, Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil http://orcid.org/0000-0001-7781-3083
  • Ana Laura Sica Cruzeiro Szortyka Programa de Pós-Graduação em Saúde e Comportamento, Universidade Católica de Pelotas, Pelotas, Rio Grande do Sul, Brasil http://orcid.org/0000-0003-0641-5883

Resumo

Trata-se de um estudo transversal que buscou avaliar a síndrome de Burnout e possíveis associações com variáveis demográficas e fatores de estresses percebidos no trabalho. A população do estudo foi composta por 168 professores, entretanto, participaram 102 sujeitos. Como instrumento de coleta de pesquisa, utilizou-se a Escala Maslach Burnout Inventory (MBI) para avaliar o Burnout e um questionário para com questões sociodemográficas e laborais. Os resultados evidenciaram que os professores apresentaram as maiores médias entre as dimensões realização pessoal e cansaço emocional. Nesta amostra, as variáveis sociodemográficas não apresentaram relação com as dimensões de burnout, entretanto, as variáveis laborais associaram-se às dimensões do MBI. Os resultados indicam a importância do entendimento e o reconhecimento dessa doença ocupacional para a inclusão do professor nas medidas de políticas públicas voltadas para a saúde e bem-estar da categoria.
Publicado
2020-12-02
Como Citar
Cunha, I. M., Vieira, I. S., Fernandez, M. dos S., & Szortyka, A. L. S. C. (2020). SÍNDROME DE BURNOUT E FATORES DE ESTRESSE LABORAL EM PROFESSORES DE ESCOLAS PÚBLICAS DO MUNICÍPIO DE CAPÃO DO LEÃO, RS. Interfaces Científicas - Saúde E Ambiente, 8(2), 499-514. https://doi.org/10.17564/2316-3798.2020v8n2p499-514
Seção
Artigos