TUBERCULOSE PULMONAR E A FORMAÇÃO DO GRANULOMA: UMA REVISÃO DE LITERATURA

Allana Fernanda Sena dos Santos, Anacássia Fonseca de Lima

Resumo


A tuberculose é uma doença infecciosa crônica, transmitida pelo ar e causada pela bactéria Mycobacterium tuberculosis. No Brasil, é um sério problema de saúde pública, com profundas raízes sociais. Estima-se que a cada ano, sejam notificados aproximadamente 70 mil casos novos e ocorrem 4,6 mil mortes em decorrência da doença. Esse estudo tem por objetivo descrever sobre a patologia e a formação do granuloma após a infecção. Trata-se de uma revisão de literatura, considerando-se como fonte de dados a Biblioteca Virtual em Saúde (BVS), Livros de patologia e Manuais do Ministério da Saúde, publicados no período de 2001 a 2016. O principal órgão afetado na TB é o pulmão, onde ocorre a colonização nos alvéolos pulmonares pelas bactérias, que são fagocitadas por células que iniciam a ativação da resposta imune no hospedeiro. Os granulomas, novas massas teciduais de bacilos vivos e mortos, são circundados por macrófagos, que formam um muro de proteção. O material (bactérias e macrófagos) torna-se necrótico, formando uma massa semelhante a um queijo. A localização pulmonar da tuberculose depende da capacidade do Mtb se multiplicar e do estado imunológico prévio do hospedeiro, que inclui enfermidades coexistentes, o estado nutricional, deficiências da resposta imunitária e fatores genéticos.

Palavras-chave


Tuberculose pulmonar, Mycobacterium tuberculosis, Granuloma.

Texto completo:

PDF

Referências


BOMBARDA, Sidney; FIGUEIREDO, Cláudia Maria. Imagem em tuberculose pulmonar*. Rev. J Pneumol. Ed. 27 n.6, p.329 a 340, Nov/ Dez, 2001. Disponível em: . Acesso em: 17 de Julho de 2016.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Vigilância em Saúde: Dengue, Esquistossomose, Hanseníase, Malária, Tracoma e Tuberculose / Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção a Saúde, Departamento de Atenção Básica . - 2. ed. rev. - Brasília : Ministério da Saúde, p.130-160, 2008. (Série A. Normas e Manuais Técnicos) (Cadernos de Atenção Básica, n. 21). Disponível em: < http://189.28.128.100/dab/docs/publicacoes/cadernos_ab/abcad21.pdf>. Acesso em 01 de Outubro de 2016.

BRASIL. Ministério da saúde. Nota técnica sobre as mudanças no tratamento da tuberculose no Brasil para adultos e adolescentes. Brasília – DF, 2010. Disponível em:Acesso em: 22 de Outubro de 2010.

BRASIL. Departamento de Vigilância Epidemiológica. Manual de recomendações para o controle da tuberculose no Brasil. Brasília, 2011. Disponível em: < http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/manual_recomendacoes_controle_tuberculose_brasil.pdf>. Acesso em: 19 de Outubro de 2016.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância Epidemiológica. Tratamento diretamente observado (TDO) da tuberculose na atenção básica : protocolo de enfermagem / Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Vigilância Epidemiológica. – Brasília : Ministério da Saúde, p.50-66, 2011. Disponível em: < http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/tratamento_diretamente_observado_tuberculose.pdf>. Acesso em 11 de Outubro de 2016.

BETHLEM, E. P. Manifestações Clínicas da Tuberculose Pleural, Ganglionar, Geniturinária e do Sistema Nervoso Central. Pulmão RJ, v.21, n.1, 2012. p.19-22. Disponível em: . Acesso em: 19 de Outubro de 2016.

CAMPOS, H. S. Etiopatogenia da tuberculose e formas clínicas. Pulmão RJ, v.15, n.1, 2006. p.29-35. Disponível em: . Acesso em: 20 de Outubro de 2016.

CHEEVER, H. Kerry; HINKLE, Janice L. Brunner e Suddarth: tratado de enfermagem médico-cirúrgica, v. 1 ed.13 p.587-593 – Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, 2016.

COSTA, George Vasconcelos Calheiros de Oliveira et al. Prevalência de tuberculose pulmonar e sintomáticos respiratórios em um hospital psiquiátrico de referência em alagoas. Rev. Bras. Promoção Saúde, ed. 28, n. 4, p. 521-528, Fortaleza, Out/Dez, 2015. Disponível em: Acesso em: 20 de Outubro de 2016.

KOZAKEVICH, Gabriel Vilella; SILVA, Rosemeri Maurici da. Tuberculose: revisão de literatura. Arq. Catarinenses de Medicina, Out/ Dez, v.44, n.4 p.34-47, Santa Catarina, 2015. Disponível em: < http://www.acm.org.br/acm/seer/index.php/arquivos/article/view/46/42> Acesso em: 15 de Outubro de 2016.

KUMMAR, Vinay et al; [ tradução de Patrícia Dias Fernandes et al ]. Inflamações. Robbins e Cotran, bases patológicas das doenças. Elsevier, Rio de Janeiro, ed.8 cap.2 p.73-74, 2010.

LOPES, Agnaldo José; JANSEN, José Manoel; CAMPONE, Domenico. Patogenia e imunologia. Revista Hospital Universitário Pedro Ernesto. ed. 5, n. 2, p. 27-34, Rio de Janeiro, 2006. Disponível em < http://revista.hupe.uerj.br/detalhe_artigo.asp?id=230> Acesso em: 14 de Março de 2017.

LOPES, A. J.; CAPONE, D.; MOGAMI, R.; TESSAROLLO, B.; CUNHA, D. L.; CAPONE, R.B.; SIQUEIRA, H. R.; JANSEN, J. M. Tuberculose extrapulmonar: aspectos clínicos e de imagem. Pulmão RJ, v.15, n.4, 2006. p. 253-261. Disponível em Acesso em: 18 de Março de 2017.

PAIVA, D. D. Patologia Tuberculose. Rev. do Hospital Universitário Pedro Ernesto, UERJ. Vol.5 n.2. Rio de Janeiro, 2006. Disponível em . Acesso em: 29 de Maio de 2016.

PEREIRA, Fausto Edmundo Lima [Geraldo Brasileiro Filho]. Inflamações. Bogliolo patologia. Guanabara Koogan, Rio de Janeiro, 8 ed. Cap.7 p. 212-216, 2014.

PINHEIRO, Marina; ARAÚJO, Ana Rita; GUEDES, Margarida. Tuberculose infantil: novas formas de diagnóstico. Rev. de pediatria do centro hospitalar do porto, Portugal, v.14, n.4, 2015. Disponível em < http://www.scielo.mec.pt/pdf/nas/v24n4/v24n4a04.pdf> Acesso em: 28 de Junho de 2016.

RUSSELL, David G. Who puts the tubercle in tuberculosis? Nat. Rev. Microbiol. ed. 5, n. 1, p. 39-47, 2007. Disponível em: < https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/17160001> Acesso em: 28 de Junho de 2016.

SEISCENTO, M.; CONDE, M. B.; DALCOLMO, M. P. Tuberculose Pleural. J Bras Pneumol, v.32, Supl. 4, 2006. p. S174-S181.

SILVA, Bruna Daniella de Souza. Avaliação da resposta imune específica de células TCD8+ e citocinas na tuberculose humana. Tese- (Doutorado) Universidade Federal de Goiás, Intituto de patologia tropical e saúde pública (IPTSP), programa de pós graduação em medicina tropical e saúde pública, Goiânia, 2015. Disponível em < http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tede/5147>. Acesso em: 28 de Junho de 2016.

SILVA, Débhora Isis Barbosa; ASSIS, Felipe Arthur Gomes de. Elencando cuidados de enfermagem ao paciente etilista crônico e portador de tuberculose pulmonar: um relato de caso. Rev. da Univers. Vale do Rio Verde, Três Corações, v.13, n.2, p.169-175, 2015. Disponível em Acesso em: 29 de Maio de 2016.

SILVA JR., Jarbas Barbosa da. Tuberculose: Guia de Vigilância Epidemiológica. J. bras. pneumol., São Paulo , v. 30, supl. 1, p. S57-S86, Junho 2004 Disponível em Acesso em: 22 de Outubro de 2016.

TIMBY, Barbara Kuhn. Enfermagem médico-cirúrgica – 8 ed.rev. e ampl. p. 356-359-Barueri, SP. Manole, 2005.

TORRES, Pedro Paulo Teixeira e Silva et al . Aspectos tomográficos e histopatológicos da pneumonite por hipersensibilidade: ensaio iconográfico. Radiol Bras, São Paulo, v.49, n.2, p.112-116, Abr. 2016. Disponível em: . Acesso em: 29 de Maio de 2016.