A LUTA PELA IGUALDADE DE GÊNERO

  • Bruno Teles da Silva Universidade Tiradentes
  • BRUNO Teles da Silva
Palavras-chave: Desigualdade x Igualdade, Gênero, Mulher, História, Ciência

Resumo

O presente artigo discute a idéia de que ser mulher não é ser diferente. A história nos mostra todo um contexto de luta e persistência da mulher em querer mudar a realidade social, através dos movimentos sociais, movimentos feministas, sindicatos, elas aparecem nas passagens dos golpes militares, lutando contra esse sistema e em muitos outros momentos dessa conjuntura histórica. O motivo da desigualdade pode ser cultural, onde no começo nossos ancestrais tinham para suas obrigações a força de trabalho e a mulher tinha como dever cuidar da casa e dos filhos além de dever obediência aos seus maridos. Vencendo dificuldades atravessando barreiras e lutando contra o preconceito as mulheres tentam mudar o rumo da história igualando-se aos homens e mostrando que mulher não é fragilidade nem muito menos incapacidade, ser mulher é ser guerreira e vencedora de seus ideais. Não é um conto de fadas, mas uma história de luta e perseverança2. (Hilda Hilst, 1992).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bruno Teles da Silva, Universidade Tiradentes
Atuou como Professor dos Cursos Técnicos na Universidade Tiradentes. Atuou como Gestor do Polo de Educação a Distância. Atualmente, Diretor da Universidade Tiradentes, Campus Propriá.
Publicado
2020-06-10
Como Citar
da Silva, B. T., & da Silva, B. T. (2020). A LUTA PELA IGUALDADE DE GÊNERO. Ideias E Inovação - Lato Sensu, 5(3), 107. Recuperado de https://periodicos.set.edu.br/ideiaseinovacao/article/view/8413
Seção
Artigos