ABUSO SEXUAL INFANTOJUVENIL: UM ESTUDO SOBRE O ENFRENTAMENTO INSTITUCIONAL EM SERGIPE

  • Alessandra Fabiana Nascimento Universidade Tiradentes
  • Myllena Miriam Florêncio Florêncio Oliveira Universidade Tiradentes
  • Isis de Goes Tavares Amazonas Universidade Tiradentes
  • Gabriel Santos Hora Universidade Tiradentes
  • Hilton Santana Bastos Universidade Tiradentes
  • Deisy Ramalho Universidade Tiradentes
  • João Francisco Lago do Rodrigues Universidade Tiradentes
Palavras-chave: Infantojuvenil, abuso sexual, rede de atendimento, políticas públicas de atendimento

Resumo

O presente trabalho trata da violência sexual infantojuvenil e tem por finalidade analisar as políticas públicas relacionadas ao enfrentamento do abuso sexual infantojuvenil no Brasil, especialmente no Estado de Sergipe, assim como  a atuação dos setores públicos que compõem a rede de atendimento às vítimas em potencial. O principal propósito foi verificar o funcionamento da rede de atendimento a crianças e adolescentes vÍtimas potenciais de abuso sexual; apontar os problemas enfrentados pelos Órgãos Públicos em Sergipe e averiguar as ações de prevenção quanto a temática. O problema reside em compreender os encaminhamentos adotados pelas Instituições Públicas que compõe a rede de atendimento ao abuso sexual infantojuvenil em Sergipe, tendo em vista que a forte integração das ações desenvolvidas tem o condão de reduzir a ocorrência e/ou as consequências das diferentes formas de manifestação. A importância dessa investigação é a possibilidade de levantamento dados a cerca das políticas públicas implementadas no Brasil em especial em Sergipe quanto ao abuso sexual infantojuvenil, e as experiências práticas no âmbito dessa complexa temática, possibilitando a elaboração de parâmetros legitimados pela participação crítica e reflexiva.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alessandra Fabiana Nascimento, Universidade Tiradentes
Academica em Direito pela Universidade Tiradentes (UNIT), Campus Farolândia/Sergipe. Graduada em Ciências Econômicas e Geografia pela UFS, com Especialização em Desenvolvimento Regional pela UFS e Planejamento Governamental pela UNIT, e Mestre em Geografia pela Universidade Federal de Sergipe.
Myllena Miriam Florêncio Florêncio Oliveira, Universidade Tiradentes
Academica em Direito pela Universidade Tiradentes (UNIT). Campus Farolândia/Sergipe.
Isis de Goes Tavares Amazonas, Universidade Tiradentes
Academica em Direito pela Universidade Tiradentes (UNIT).  Campus Farolândia/Sergipe.
Gabriel Santos Hora, Universidade Tiradentes
Academico em Direito pela Universidade Tiradentes (UNIT). Campus Farolândia/Sergipe. E-mail: gabrielhora@hotmail.com
Hilton Santana Bastos, Universidade Tiradentes
Academico em Direito pela Universidade Tiradentes (UNIT). Campus Farolândia/Sergipe
Deisy Ramalho, Universidade Tiradentes
Academica em Direito pela Universidade Tiradentes (UNIT). Campus Farolândia/Sergipe
João Francisco Lago do Rodrigues, Universidade Tiradentes
Orientador do artigo, possui graduação em Pedagogia pela Universidade Federal de Sergipe - UFS; MBA em Executive Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas - FGV; Mestrado em Sociologia pela Universidade Federal de Sergipe - UFS; Diploma de Estudos Avançados na União Europeia DEA/UE. É Professor Adjunto III da Universidade Tiradentes, em Aracaju/SE, atuando como Professor e Coordenador de cursos de Pós-graduação
Publicado
2016-10-24
Como Citar
Nascimento, A. F., Florêncio Oliveira, M. M. F., Amazonas, I. de G. T., Hora, G. S., Bastos, H. S., Ramalho, D., & Rodrigues, J. F. L. do. (2016). ABUSO SEXUAL INFANTOJUVENIL: UM ESTUDO SOBRE O ENFRENTAMENTO INSTITUCIONAL EM SERGIPE. Caderno De Graduação - Ciências Humanas E Sociais - UNIT - SERGIPE, 3(3), 101. Recuperado de https://periodicos.set.edu.br/cadernohumanas/article/view/2880
Seção
Artigos