A FAMÍLIA COMO ELEMENTO PARA A INCLUSÃO SOCIAL DO DEFICIENTE

Ana Cláudia Alves Santos, Valéria Maria Santana Oliveira

Resumo


O artigo discorre acerca de questões relativas à temática
da inclusão de pessoas com deficiência.
A falta de um melhor entendimento, por parte da
sociedade como um todo, a respeito das inúmeras
potencialidades possíveis de serem desenvolvidas
por essas pessoas, assim como das diversas possibilidades
de participação das mesmas na dinâmica
social, torna-se, talvez, o principal dificultador dessa
inclusão. Fatos “coadjuvantes” e consequentes,
desse pouco conhecimento da questão, como a discriminação
e o parco investimento em políticas públicas
específicas, contribuem decisivamente para a
manutenção dessa situação. Dentro desse contexto,
o artigo busca dar um enfoque, em especial, no papel
da família do deficiente, como instrumento essencial
na quebra do paradigma histórico do não aproveitamento
social desse grupo de pessoas. O texto busca,
dessa forma, indicar características que favorecem
o protagonismo da família no processo da inclusão,
suas dificuldades e desafios, bem como destacar
atitudes e comportamentos que devem ser adotados
para melhor alcançar esses objetivos.

Palavras-chave


Pessoas com Deficiência. Inclusão. Família.

Texto completo:

PDF