A construção da hidrelétrica de Santo Antônio e os impactos na sociedade e no ambiente

Aureni Moraes Ribeiro, Artur de Souza Moret

Resumo


Este estudo descreve e analisa alguns impactos socioambientais que a instalação da hidrelétrica de Santo Antônio, construída no rio Madeira, ocasionou ao município de Porto Velho, RO/ Brasil. O empreendimento se destaca como um dos principais projetos do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) do governo federal.  As hidrelétricas estão inseridas no contexto elétrico como principal opção de oferta de energia para o Brasil, entretanto as consequências ambientais e sociais geradas antes, durante e após a construção ainda são de difícil quantificação. Desta forma apoiados em material bibliográfico e documental o artigo apresenta um panorama sobre os principais impactos. Á guisa de conclusão, mostra-se que é preciso redirecionar o debate,  pois a implantação de grandes projetos de investimentos carecem de estudos detalhados e não negligentes como vem ocorrendo na atualidade, em especial na Amazônia.

Palavras-chave


Hidrelétrica; Impactos; Sociedade; Ambiente.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17564/2316-3801.2014v2n3p81-92