CONTRIBUIÇÕES DA MONITORIA EM ELEMENTOS DE ANATOMIA PARA A FORMAÇÃO ACADÊMICA DO ALUNO DE PSICOLOGIA: UM RELATO DE EXPERIÊNCIA

Gabriela Costa Moura, Antonio Fernando da Silva Xavier Junior, Rodrigo da Silva Almeida

Resumo


Apesar da experiência de monitoria ser uma prática muito comum nas IES do Brasil, existem poucos estudos disponíveis sobre essa temática. A monitoria é uma importante estratégia que incrementa o processo de ensino-aprendizagem durante a graduação, proporcionando a aproximação entre a realidade docente, o aprimoramento de práticas pedagógicas e o auxílio no processo de aprendizagem dos discentes interessados em aprofundar conteúdos, bem como sanar dificuldades em relação à disciplina. O presente artigo objetiva fazer uma revisão bibliográfica e um relato de experiência sobre a monitoria na disciplina de Elementos de Anatomia no curso de Psicologia. A Anatomia Humana é uma disciplina tradicional dos cursos da área de saúde, como o de Psicologia, sendo considerada básica para a formação do profissional da saúde. O exercício da monitoria na disciplina de Elementos de Anatomia proporciona ao monitor um maior conhecimento teórico e prático, vivenciando novas experiências ao acompanhar o professor nas aulas práticas em laboratório, desenvolvendo maior segurança e aprimoramento no desempenho diante de atividades de ensino e pesquisa, fomentando o interesse em exercer futuramente a carreira docente. Portanto, as experiências vividas na monitoria são marcas que ficarão impressas no intelecto do aluno privilegiado ao vivenciar essa realidade.


Palavras-chave


Monitoria. Anatomia Humana. Psicologia.

Texto completo:

PDF

Referências


APPOLINÁRIO, F. Dicionário de metodologia científica: um guia para a produção do conhecimento científico. São Paulo: Atlas, 2009, p. 33.

ASSIS, F. et al. Programa de monitoria acadêmica: percepções de monitores e orientadores. Revista de Enfermagem da Universidade Federal do Rio de Janeiro. v. 14, n. 13, Rio de Janeiro, Set, 2006, p. 391-397. Disponível em: . Acesso em 02 Nov, 2015.

BARBOSA, M. G.; AZEVEDO, M. E. O.; OLIVEIRA, M. C. A. Contribuições da monitoria acadêmica para o processo de formação inicial docente de licenciadas do curso de ciências biológicas da FACIDI/EUCE. Revista SBEnBIO. v. 5, n. 2, Ceará, 2014, p. 5471- 5479. Disponível em: . Acesso em 02 Nov, 2015.

BEZERRA, J. K. A. Monitoria de iniciação à docência no contexto da Universidade Federal do Ceará: aspectos legais e sua aplicabilidade. 2012, 128f. Dissertação (Mestrado em Gestões Estratégicas para o Ensino Superior) –Programa de Pós-Graduação em Políticas públicas e Gestão da Educação Superior. Universidade Federal do Ceará, Fortaleza/CE, 2012. Disponível em: www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/8014>. Acesso em 21 Out, 2015.

CARDINOT, T. M. et al. Importância da disciplina de anatomia humana para os discentes de educação física e fisioterapia da Abreu Centro Universitário de Belford Roxo/RJ. Coleção Pesquisa em Educação Física. v. 13, n. 2, Várzea Paulista/SP, Mar, 2014, p. 95-102. Disponível em: . Acesso em 02 Nov, 2015.

CARVALHO, A. P. V.; BRUNO, R. X.; ABRANCHES, M. A. Monitoria como agente motivador do processo ensino-aprendizagem. Revista Científica da FAMINAS. v. 4, n. 3, Muriaé/MG, Dez, 2010, p. 127-139. Disponível em: . Acesso em 02 Nov, 2015.

DANGELO, J. G.; FATTINI, C. A. Anatomia humana: sistêmica e segmentar. 3 ed. São Paulo: Atheneu, 2007, p. 1-3.

HAAG, G. S. et al. Contribuições da monitoria no processo de ensino-aprendizagem em enfermagem.Revista Brasileira de Enfermagem. v. 61, n. 2, São Leopoldo/RS, Abr, 2008, p. 215-220. Disponível em: . Acesso em 02 Nov, 2015.

LINS, L. F. et al. A Importância da monitoria na formação acadêmica do monitor. JORNADA DE ENSINO, PESQUISA E EXTENÇÃO IX, 2009. Disponível em: . Acesso em 02 Nov, 2015.

MANO, G. C. M. Experiência do grupal: cartografia do estilo na prática de monitoria. 2011, 107 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) – Instituto de Psicologia. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2011. Disponível em:

GCM Mano - 2011 - lume.ufrgs.br>.Acesso em 02 Nov, 2015.

MATOSO, L. M. L. A Importância da monitoria na formação acadêmica do monitor: um relato de experiência. Revista Científica da Escola da Saúde. v. 3, n. 2, Mossoró/RN, Set, 2014, p. 77-83. Disponível em: . Acesso em 19 Out, 2015.

MEDEIROS, J. B. Redação Científica. 12 ed. São Paulo: Atlas, 2009, p. 203.

MOORE, K. L. Anatomia orientada para a clínica. 6 ed. São Paulo: Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2012.

NATÁRIO, E. G. Programa de monitores para ação no ensino superior- proposta de intervenção. 2001, 142 f. Tese (Doutorado em Educação) - Faculdade de Educação. Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 2001.Disponível em: . Acesso em 15 Set, 2015.

NATARIO, E. G.; SANTOS, A. A. A. Programa de monitores para o ensino superior. Estudos de Psicologia. v. 27, n. 3, Campinas/SP, Set, 2010, p. 355-364. Disponível em: . Acesso em 19 Out, 2015.

PASTORE, C. A.; ABDALA, I. G. Anatomia e fisiologia para psicólogos. 2 ed. São Paulo: Edicon, 2007, p. 9.

RODRIGUES, A. J. et al. Metodologia Científica. 4. ed. Aracaju: UNIT, 2011. (Série bibliográfica), pp. 77-87.

VAN DE GRAAFF, K. M. Anatomia humana. 6 ed. São Paulo: Manole, 2003, p. 2.