Disciplina na escola: reflexões sobre a realidade portuguesa

Ana Mateus Silva

Resumo


Nos dias atuais qualquer pessoa ligada ao quotidiano, ou as práticas escolares, tem conhecimento sobre a “indisciplina”. Os profissionais da área falam da existência de tal indisciplina, mas não apontam a sua extensão nem as razões exatas. Alguns pais se deparam de muito perto com esta tal indisciplina e o “aluno-problema”, que traz consigo certos distúrbios psicológicos e/ou pedagógicos, de natureza tanto cognitiva quanto comportamental. Ao longo do texto vamos abordar o desenvolvimento da criança e do adolescente, os comportamentos típicos desta fase e terminamos com uma reflexão sobre algumas razões da indisciplina e da agressividade nas escolas. Esperamos com esta reflexão dar o nosso contributo para a compreensão da indisciplina na Escola.

 

 


Palavras-chave


indisciplina; disciplina; escola

Texto completo:

PDF/X-1A

Referências


ARENDS, R. I. Aprender a ensinar. Lisboa: McGraw-Hill,1997.

BRUNER, J. Para uma Teoria da Educação. Lisboa: Artes Gráficas, Lda,1999.

CORDEIRO, M. Dos 10 aos 15 anos - Adolescentes e Adolescência. Lisboa: Quatro Margens, 1997.

CORREIA, M.; ALVES, M. Gravidez na Adolescência: o nascimento de uma consulta e um programa de intervenção. Análise Psicológica, (1990) Agosto Nº4, p. 429-434.

DAVÍDOV, V. La enseñanza escolar y el desarrollo psíquico. Espanha: Editorial Progreso, 1988.

ORTH, E. L’importance de l’affectvité dans le développement mental. Les cahiers de l’enfance inadaptée, 1971, 2, p. 8-16.

FENWIK, E.; Smith, T. Adolescência — Um Valioso Guia para os Pais e Adolescentes. Lisboa: Artes Gráficas,1995.

FLEMING, M. Adolescência e Autonomia - O Desenvolvimento e a Relação com os Pais. Porto: Ed. Afrontamento, 1993.

FONSECA, V. e MENDES, V. Insucesso Escolar - Abordagem Psicopedagógica das dificuldades de Aprendizagem. Lisboa: Âncora Editora, 1977.

FOX, L. C. Peer acceptance of learning disabled children in the regular classroom - Exceptional Children. American Psychological Association. Boston,1989. 56 (1), pp.50-59.

FRASQUILHO, M. Comportamentos- Problemas em adolescentes- Factores Protectores e Educação para a Saúde. Lisboa: Laborterapia, 1996.

FENWIK, E.; Smith, T. Adolescência — Um Valioso Guia para os Pais e Adolescentes., Lisboa: Artes Gráficas,1995.

LEONTIEV, A. O desenvolvimento do psiquismo. Lisboa: Livros Horizonte, 2001.

MEDEIROS, M. T. (coord.) Adolescência: Abordagens, Investigação e Contextos de desenvolvimento. Açores: Direção Regional de Educação, 2000.

MULLER, K. Psicologia aplicada à educação. São Paulo: Editora EPU,1977.

MUSGRAVE, P. Sociologia da Educação. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1979.

OLIVEIRA, M. L.; PORTO, M. M. A aprendizagem e os jovens. Lisboa: Instituto do emprego e formação profissional, 1992.

OUILLON, D. E ORIGLIA, H. L'Adolescent....Paris. Ed. sociales françaises, 1974.

PEPIN, L. A Criança no Mundo Actual - Psicologia, vida e problemas. Lisboa: Editorial Estampa,1979.




DOI: http://dx.doi.org/10.17564/2316-3828.2013v1n3p55-69


Indexada em: