IMPACTO ACADÊMICO DA INICIAÇÃO CIENTÍFICA (IC) NA CONTINUIDADE E NA ANTECIPAÇÃO DE MESTRADOS.

Natiene Ramos Ferreira da Silva

Resumo


Este artigo analisa o impacto da Iniciação Científica na continuidade e na antecipação de mestrados, a partir do universo de bolsistas de cinco editais de uma universidade pública. As análises estatísticas apontam para uma taxa de continuidade baixa no conjunto dos cursos mas com variações significativas entre eles.  O impacto sobre a antecipação é mais significativo; 33,2% deram continuidade logo no primeiro ano que se seguiu a conclusão da graduação e outros 41,6% deram continuidade até dois anos após o fim da graduação. Ou seja, 74,8% do total de egressos que deram continuidade a formação, o fizeram até dois anos após a conclusão da graduação.  


Palavras-chave


iniciação científica; impacto da pesquisa; pesquisa na graduação.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.17564/2316-3828.2015v4n1p115-128


Indexada em: