Parque Lagoá: uma de espaço livre público no bairro da Levada, Maceió, AL

Daniel Silva Castro de Amorim, Millena de Souza Silva Lopes, Catarina Agudo Menezes

Resumo


O presente artigo aborda questões pertinentes a proposta de um espaço livre público em um terreno localizado na Rua Barão de Alagoas, no bairro da Levada, em Maceió, AL. O processo culminou na idealização do Parque Lagoá, que tem como objetivo principal suprir a carência dos moradores do bairro por espaços destinados ao lazer e permanência. Para a estruturação de tal trabalho foram utilizadas pesquisas bibliográficas que abordam temáticas relativas a importância desses espaços para o meio urbano. Em seguida foram analisados os aspectos legais e questões históricas da Levada, e como isso se reflete na caracterização da região em que o terreno está inserido. O conceito que direcionou a proposta foi a ludicidade e o mistério da mágica e o partido foi o ilusionismo, focando em como esses aspectos podem despertar a curiosidade e atenção de todas as faixas etárias, promovendo assim a interação das pessoas com o espaço e com a cidade. Conclui-se, então, que o projeto proposto promove a inclusão, socialização e interação em um bairro que carece muito em termos socioespaciais, tornando, assim, o ambiente urbano mais humano, seguro, atrativo e acolhedor.

Palavras-chave


Espaço público, valorização, mágica, ilusionismo, problemática urbana.

Texto completo:

PDF