ENSINO JURÍDICO: DISTINÇÕES ENTRE OS SISTEMAS DE ARBITRAGEM, MEDIAÇÃO E CONCILIAÇÃO NO NOVO PROCESSO CIVIL BRASILEIRO COMO INSTRUMENTOS EFETIVOS DE PACIFICAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL

Thiago Passos Tavares, Marlton Fontes Mota, Hannah Silva Linhares, Ana Luísa Lopes Mariano, Ellen Fumagali

Resumo


O objetivo principal que circula esta pesquisa é o de distinguir os principais sistemas consensuais de resolução de impasses, quais sejam, a arbitragem, a mediação e a conciliação evidenciados no atual Código de Processo Civil brasileiro. Justifica-se este estudo, por sua relevância na prática dos profissionais do direito, visto que, os supracitados institutos são instrumentos essenciais e elementares na efetivação de pacificação social refletindo na vida das pessoas que vivem em sociedade. A metodologia ora utilizada no estudo, quanto à modalidade de pesquisa foi a exploratória e a bibliográfica. O tipo de pesquisa que foi contemplado é o exploratório e o método consagrado fora o dedutivo.

Palavras-chave


Ensino Jurídico; Arbitragem; Conciliação; Mediação; Pacificação

Texto completo:

PDF