ESTRESSE NO AMBIENTE UNIVERSITÁRIO: EXPLANAÇÕES SOBRE CAUSAS E IMPLICAÇÕES PARA O SURGIMENTO DE DISTÚRBIOS PSÍQUICOS MENORES EM ESTUDANTES DO CURSO DE ENFERMAGEM

Wisla Alves Rocha, Mara Dantas Dantas, Kelly Virgínia Gabriel de Carvalho, Gardênia Gomes Iaghi da Silva, Tereza Ambrósio Fontes, Andressa Pereira Meneses, Taís Fernandina Queiróz

Resumo


O objetivo deste trabalho é explanar as causas e implicações do estresse no ambiente universitário, a partir de uma revisão siste¬mática contendo artigos de língua inglesa, espanhola e portuguesa; utilizando as seguintes bases de dados cientificas: PUBMED, LILACS, REDALYC, PEPSIC e SCIELO entre os anos de 2010 a 2018. Foram utilizados os descritores “estresse, distúrbios psíquicos menores, estudantes, ensino superior e enfermagem”. A presente revisão comprovou que a universidade envolve diversos estímulos estressores. Dessa forma a uma elevada prevalência de ansiedade, caracterizada como um dos principais transtornos psíquicos menores que surge em estudantes de enfermagem a partir de estímulos estressantes desencadeados de eventos vivenciados pelos discentes no seu ambiente acadêmico. Cabendo ressaltar que alguns estudos revelam que graduandos de cursos da área da saúde sofrem com estresse e ansiedade e no decorrer da vivência universitária esses níveis tendem a se elevar. Nessa lógica, outros estudos indicam que acadêmicos de enfermagem estão mais expostos a eventos estressantes em razão da responsabilidade pela vida e saúde dos indivíduos. Conclui-se que diante dos achados, que é relevante ressaltar a importância da identificação destes agentes estressores, de maneira que haja a minimização dos iminentes malefícios à saúde dos discentes relacionados ao curso de enfermagem.

Palavras-chave


Estresse; Estudantes; Enfermagem; Distúrbio Psíquico.

Texto completo:

PDF

Referências


ACUÑA, V. R. et al. Frecuencia e Intensidad del Estrés en Estudiantes de Licenciatura en Enfermería de la DACS. Horizonte Sanitario v. 13, n. 1, p. 162–169, 4 ago. 2014.

ALMEIDA, C. A. P. L. et al. Fatores associados ao aparecimento do estresse em uma amostra de estudantes de enfermagem universitários. Revista Eletrônica Saúde Mental Álcool e Drogas. v. 13, n. 4, p. 176–188, 2017.

CARLOTTO, M. S.; CÂMARA, S. G. Riscos psicossociais associados à síndrome de burnout em professores universitários. Avances en Psicología Latinoamericana, v. 35, n. 3, p. 447–457, 2017.

CARVALHO, E. A. DE et al. Índice de ansiedade em universitários ingressantes e concluintes de uma instituição de ensino superior/Anxiety scores in university entering and graduating students from a higher education institution. Ciência, Cuidado e Saúde, v. 14, n. 3, p. 1290–1298, 11 out. 2015.

CASTILLO AVILA, I. Y.; BARRIOS CANTILLO, A.; ALVIS ESTRADA, L. R. Estrés académico en estudiantes de enfermería de Cartagena, Colombia. Investigación en Enfermería: Imagen y Desarrollo, v.20, n. 2, p. 1-11, 2018.

JESUS, I. S. D.; SENA, E. L. D. S; SOUZA, L. S. Vivências de estudantes de Graduação de Enfermagem com a ansiedade. Revista de Enfermagem UFPE Online, v. 9, n. 1, p. 149-157, 2015.

MENEZES, F. M. F. et al. Mensuração dos Níveis de Ansiedade Traço e Estado em estudantes do curso de Enfermagem. Interfaces Científicas - Humanas e Sociais, v. 6, n. 3, p. 93–100, 2018.

PRETO, V. A. et al. Stress and sociodemographic characteristics of undergraduate nursing students. Journal of Nursing UFPE, v. 12, n. 3, p. 701–707, 2018a.

PRETO, V. A. et al. Perception of stress in nursing academics. Journal of Nursing UFPE on line - ISSN: 1981-8963, v. 12, n. 3, p. 708–715, 2018b.

PULIDO-CRIOLLO, F.; CUETO-ESCOBEDO, J.; GUILLÉN-RUIZ, G. Stress in Nursing University Students and Mental Health. Health and Academic Achievement, v. 1, n. 1, p. 31-45, 2018.

PULIDO‐MARTOS, M.; AUGUSTO‐LANDA, J. M.; LOPEZ‐ZAFRA, E. Sources of stress in nursing students: a systematic review of quantitative studies. International Nursing Review, v. 59, n. 1, p. 15–25, 2012.

SANTOS, R. R. DOS et al. Sintomas de Distúrbios Psíquicos Menores em Estudantes de Enfermagem. Revista Baiana de Enfermagem‏, v. 30, n. 3, p. 1-14, 2016.

SHERIDAN, P. et al. Development and validation of an instrument to measure stress among older adult nursing students: The Student Nurse Stressor-15 (SNS-15) Scale. Journal of Clinical Nursing, v. 1, n. 1, p. 1–10, 2018.

TAM PHUN, E.; SANTOS, C. B. DOS. El consumo de alcohol y el estrés entre estudiantes del segundo año de enfermería. Revista Latino-Americana de Enfermagem, v. 18, n. SPE, p. 496–503, 2010.