O AUMENTO DO ENCARCERAMENTO FEMININO NO MATO GROSSO DO SUL: IMPACTOS DA CRISE ECONÔMICA BRASILEIRA E DO TRÁFICO DE DROGAS NA FRONTEIRA

Luzia Bernardes da Silva, Camilo Pereira Carneiro Filho, Gustavo de Souza Preussler

Resumo


Resumo: O aumento do encarceramento feminino registrado no Mato Grosso do Sul entre 2015 e 2018 foi acompanhado por uma conjunção de fatores, dos quais fazem parte a crise econômica do Brasil (aumento de desemprego, do percentual de pobreza e o corte de investimentos em programas sociais), a presença de uma rede internacional de tráfico drogas com grande atuação na fronteira Brasil-Paraguai e a dificuldade de inserção no mercado formal de trabalho por parte das classes com baixa escolaridade. O presente trabalho tem como enfoque a atuação feminina no âmbito do tráfico internacional de drogas nas fronteiras sul-americanas, mais particularmente na fronteira Brasil-Paraguai. Trata-se de uma pesquisa qualitativa de cunho exploratório, dentro do escopo das Relações Internacionais.

Palavras-chaves: Encarceramento feminino. Tráfico internacional de drogas. Fronteira sul-mato-grossense.

Palavras-chave


Encarceramento feminino. Tráfico internacional de drogas. Fronteira sul-mato-grossense.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.17564/2316-3801.2019v8n2p213-226