ESTUDO PRELIMINAR DE REFORMA E AMPLIAÇÃO PARA O CENTRO DE CONTROLE DE ZOONOSES DE MACEIÓ.

  • Sammea Ribeiro Granja Damascceno Costa Centro Universitário Tiradentes, UNIT AL.
  • Ewerton Soares da Silva Centro Universitário Tiradentes, UNIT AL.
Palavras-chave: Projeto de reforma e ampliação, centro de controle de zoonoses, acessibilidade.

Resumo

Esta pesquisa apresenta um estudo preliminar de reforma e ampliação para o Centro de Controle de Zoonoses de Maceió-AL com a adequação do bloco de captura dos animais, criação de um espaço de adoção, de um local de competição canina e de tratamento em equoterapia. Quanto à metodologia, trata-se de uma pesquisa exploratória, com pesquisa de campo, de natureza qualitativa, foram feitas pesquisas em livros, revistas, artigos, monografias, teses de doutorado e dissertações de mestrado. A coleta de dados foi realizada por meio de visitas ao local, conversas com funcionários do Centro de Controle de Zoonoses de Maceió-AL. No referencial teórico foram abordados os seguintes temas: Diretrizes para um centro de Controle de Zoonoses e o que é preciso, no âmbito arquitetônico, para se fazer um projeto e/ou adequação dos espaços; a importância da medicina veterinária; clínicas veterinárias e centros de controle de zoonoses e o próprio centro de controle de zoonoses de Maceió. O resultado final projetual baseado nas pesquisas foi satisfatório e com isso, houve o estudo de adequação do espaço de captura, criação de um local para adoção, criação do playground de competição canina e a criação do espaço para o atendimento em equoterapia.

Biografia do Autor

Sammea Ribeiro Granja Damascceno Costa, Centro Universitário Tiradentes, UNIT AL.
Doutoranda em Arquitetura e Urbanismo, Professora do Centro Universitário Tiradentes (UNIT/AL).
Ewerton Soares da Silva, Centro Universitário Tiradentes, UNIT AL.
Arquiteto e Urbanista

Referências

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DA INDUSTRIA DE PRODUTOS PARA ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO. Disponível em:<http://abinpet.org.br/site/> Acesso em: 26 mar. 2018.

BÜRGER, Karina Paes. O ensino de saúde pública veterinária nos cursos de graduação em medicina veterinária do Estado De São Paulo. 2010. ix, 129 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, 2010.

CADA VEZ MAIS ANIMAIS DE ESTIMAÇÃO SÃO TRATADOS COMO GENTE E RECEBEM CUIDADOS ESPECIAIS; ISSO É UM PROBLEMA? Disponível em <https://www.uai.com.br/app/noticia/saude/2014/10/07/noticias-saude,191429/cada-vez-mais-animais-de-estimacao-sao-tratados-como-gente-e-recebem-c.shtml> Acesso em: 26 Mar. 2018.

CAETANO, Elaine Cristina Salvaro. As contribuições da TAA–Terapia Assistida por Animais à Psicologia. 2010 Trabalho de conclusão do Curso em Psicologia). Universidade dos Extremo Sul Catarinense (UDESC), Criciúma, 2010.

CHOMEL, Bruno B. Zoonoses of house pets other than dogs, cats and birds. The Pediatric infectious disease journal, v. 11, n. 6, p. 479-487, 1992.

COPETTI F, Mota CB, Graup S, Menezes KM, Venturi EB. Comportamento angular do andar de crianças com síndrome de Down após intervenção com equoterapia. Braz. j. phys. ther. 2007;11(6):503-507

DUQUIA GIUMELLI, Raísa; CLEURI PEREIRA SANTOS, Marciane. Convivência com animais de estimação: um estudo fenomenológico. Revista da Abordagem Gestáltica: Phenomenological Studies, v. 22, n. 1, 2016.

FUNASA, Fundação nacional de Saúde para Projetos físicos de unidades de controle de zoonoses e fatores biológicos de risco. – Brasilia: 2007. Disponível em: < http://www.fiocruz.br/biosseguranca/Bis/manuais/animais/diretrizes_para_projetos_fisicos_de_unidades_de_controle_de_zoonoses_e_fatores_biologicos_de_risco.pdf> Acesso em: 23 Ago. 2018

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Disponível em < https://cidades.ibge.gov.br/brasil/al/maceio/panorama> Acesso em: 08 Abr. 2018.

LUNA, Stelio Pacca Loureiro. Dor, senciência e bem-estar em animais-senciência e dor. Ciência veterinária nos trópicos, v. 11, p. 17-21, 2008

NUNES, Estela MO; VASCONCELOS, Ana Cecília SB. Animais domésticos e arquitetura: a concepção de projetos arquitetônicos desenvolvidos para animais, 2015.

PORTAL MELHORES AMIGOS. SAIBA COMO FUNCIONA A TERAPIA ASSISTIDA POR ANIMAIS EM HOSPITAIS. Disponínel em: <http://portalmelhoresamigos.com.br/saiba-como-funciona-a-terapia-assistida-por-animais-em-hospitais>. Acesso em: 27 mar. 2018.

RIORDAN, A.; TARLOW, M. Pets and diseases. British journal of hospital medicine, v. 56, n. 7, p. 321-324, 1996.

SILVA, Charles Nunes. Entrevista Cedida à Ewerton Soares, em 20 de Abril, 2018

XAVIER, Daniele Rosa; NASCIMENTO, Guilherme Nobre Lima. "O médico veterinário na atenção básica à saúde."

Publicado
2020-10-30
Como Citar
Costa, S. R. G. D., & Silva, E. S. da. (2020). ESTUDO PRELIMINAR DE REFORMA E AMPLIAÇÃO PARA O CENTRO DE CONTROLE DE ZOONOSES DE MACEIÓ. Caderno De Graduação - Ciências Humanas E Sociais - UNIT - ALAGOAS, 6(2), 262. Recuperado de https://periodicos.set.edu.br/fitshumanas/article/view/7809
Seção
Artigos