DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM NO ÂMBITO ESCOLAR: REFLEXÕES À LUZ DA ANÁLISE DO COMPORTAMENTO

  • Yrlan Henrique dos Santos Costa Centro Universitário Tiradentes (UNIT)
  • Adriano Alves Barboza Universidade Federal do Pará (Belém/PA).
  • André Fernando de Oliveira Fermoseli Professor Titular II do Centro Universitário Tiradentes – UNIT/AL.
Palavras-chave: Dificuldades de aprendizagem. Ambiente escolar. Análise do Comportamento.

Resumo

O tema “Dificuldades de aprendizagem” comumente gera algumas controvérsias por parte dos agentes de ensino. Grande parte destes atribui o fracasso escolar ao próprio aluno, como se houvesse um agente causador interno que faz o aluno não “querer” aprender, utilizando-se de descrições como “desmotivação do aluno”, “falta de interesse”, entre outras. Nessa perspectiva, o presente estudo visa ter um olhar baseado numa análise de contingências sobre quais variáveis podem comprometer a realização de determinadas tarefas no ambiente escolar. Baseado em revisão de literatura integrativa, seguindo os princípios norteadores da Análise do Comportamento formulada por B. F. Skinner, tem-se como resultado que a dificuldade na aprendizagem não está inerente ao aluno, mas sim, são produzidas de acordo com as variáveis das quais seus comportamentos são função. Contudo, como este trabalho tem por objetivo analisar a dificuldade de aprendizagem de uma maneira geral, pretende-se instigar os leitores para a produção de pesquisas relacionadas ao mesmo tema com assuntos mais específicos, por exemplo, em alunos que apresentam dificuldades geradas por uma interação entre fatores biológicos e comportamentais, tais como dislexia, dislalia, etc.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Yrlan Henrique dos Santos Costa, Centro Universitário Tiradentes (UNIT)
Estudante de Psicologia do Centro Universitário Tiradentes (UNIT/AL).
Adriano Alves Barboza, Universidade Federal do Pará (Belém/PA).
Doutorando em Psicologia: Teoria e Pesquisa do Comportamento, pela Universidade Federal do Pará (Belém/PA). Membro do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia sobre Comportamento, Cognição e Ensino (INCT-ECCE).
André Fernando de Oliveira Fermoseli, Professor Titular II do Centro Universitário Tiradentes – UNIT/AL.
Doutor em Psicobiologia pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto/ Universidade de São Paulo (FFCLRP/USP).

Referências

BAUM, W. M. Compreender o behaviorismo: comportamento, cultura e evolução; tradução Maria Teresa Araújo Silva. [et al.]. 2 ed. – Porto Alegre: Artmed, 2006.

BARBOZA, A. A.; FERMOSELI, A. F. O. Metodologia de ensino e comportamento verbal: a percepção de estudantes de uma instituição de ensino superior sobre o processo de ensino à luz da análise do comportamento. Trabalho apresentado à Faculdade Integrada Tiradentes como um dos requisitos para a conclusão da Graduação Psicologia. Maceió, 2012.

CARMO, J. S.; Dificuldades de aprendizagem ou dificuldade de ensino? Algumas contribuições da análise do comportamento. In: BRANDÃO, M. L. S.; CONTE, F. C. S.; BRANDÃO, F. S.; INGBERMAN, Y. K.; MOURA C, B.; SILVA, V. M.; OLIANE, S. M. (Org.). Sobre comportamento e cognição. A história e os avanços, a seleção por consequências em ação. 1ª ed. Santo André, SP: ESEtec, 2003. Vol. 11. p. 396-401.

CASTILHO, A. C.; BORDIN, J. C.; ALVES, J. L. B.; LEMES, M. J.; SANZOVO, V. C. Análise do comportamento e educação: pensando a educação inclusiva. VIII Encontro da Associação Brasileira de Pesquisadores Em Educação Especial. Londrina de 05 a 07 novembro de 2013 - ISSN 2175-960X, p. 564-575.

CATANIA, A. C. Aprendizagem: Comportamento, linguagem e cognição. (4. ed.). Porto Alegre, RS: Artmed, 1999.

COSTA, Y. H. S.; FERMOSELI, A. F. O.; LOPES, A. P. Análise do comportamento no processo de ensino-aprendizagem na educação. Ciências biológicas e da saúde, v. 2, n. 1. Disponível em: <https://periodicos.set.edu.br/index.php/fitsbiosaude/article/view/1414/776> Acesso em: 01/Out. 2014, p. 213 – 226.

GIOIA, P. S.; FONAI, A. C. V. A preparação do professor em análise do comportamento. Psic. da Ed., São Paulo, 25, 2º sem. de 2007, p. 179-190.

GIOIA, P. S. A exclusão da análise do comportamento da escola: o que o livro didático de psicologia tem a ver com isso¿ . In: HUBNER, M. M. C., MARINOTTI, M. (Org.). Analise do comportamento para a educação: contribuições recentes. Santo Andre: Esetec, 2004. p. 49-64.

HENKLAIN, M. H. O; CARMO, J. S. Contribuições da Análise do comportamento à educação: um convite ao diálogo. Cadernos de Pesquisa. V.43 n.149, maio/ago. 2013 p.704-723.

HUBNER, M. M. C.; MARINOTTI, M.; Revisitando diagnósticos clássicos relativos às Dificuldades de Aprendizagem. In: HUBNER, M. M. C., MARINOTTI, M. (Org.). Análise do comportamento para a educação: contribuições recentes. Santo Andre: Esetec, 2004. p. 307-317.

MOREIRA, M. B.; MEDEIROS, C. A. Princípios Básicos de Análise do Comportamento. Porto Alegre: Artmed, 2007.

MOREIRA, M. B.; HANNA, E. S. Bases filosóficas e noção de ciência em análise do comportamento. In: HÜBNER, M. C.; MOREIRA, M. B (Org). Fundamentos de psicologia: Temas clássicos da psicologia sob a ótica da análise do comportamento. Rio de Janeiro: Guanabara Koongan, 2013, p. 1-18.

MENDES, K. D.; SILVEIRA, R. C. C. P.; GALVÃO, C. M. Revisão integrativa: método de pesquisa para a incorporação de evidências na saúde e na enfermagem. Texto contexto - enferm. [online]. 2008, vol.17, n.4, p. 758-764. ISSN 1980-265X. http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072008000400018.

PEREIRA, M. E. M.; MARINOTTI, M.; LUNA, S. V. O compromisso do professor com a aprendizagem do aluno: contribuições da analise do comportamento. In: HUBNER, M. M. C., MARINOTTI, M. (Org.). Analise do comportamento para a educação: contribuições recentes. Santo Andre: Esetec, 2004. p. 11-32

QEdu. Disponível em: < http://www.qedu.org.br/estado/102-alagoas/pessoas/professor> Acesso em: 27 de Maio de 2015.

RODRIGUES, M. E. Behaviorismo: Mitos, discordâncias, conceitos e preconceitos. Educereet Educare: Revista de educação. Unioeste/Cascavel, v. 1, nº 2. jul./dez. 2006. p. 141 – 164.

SKINNER, B. F. Ciência e comportamento humano. 11. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2003. (Trabalho original publicado em 1953).

SKINNER, B. F. Tecnologia de ensino. São Paulo: Universidade de São Paulo, 1972.

SKINNER, B. F. Sobre o behaviorismo. Tradução de Maria da Penha Villa lobos. São Paulo: Cultrix/EDUSP, 1974.

SKINNER, B. F. Seleção por consequências. Revista Brasileira de Terapia Comportamental e Cognitiva. ISSN 1517-5545, 2007, Vol. IX, nº 1, p. 129-137. (Trabalho original publicado em 1981).

SKINNER, B. F.. Verbal behavior. New Jersey: Prentice Hall, 1957.

Publicado
2018-02-15
Como Citar
Costa, Y. H. dos S., Barboza, A. A., & Fermoseli, A. F. de O. (2018). DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM NO ÂMBITO ESCOLAR: REFLEXÕES À LUZ DA ANÁLISE DO COMPORTAMENTO. Caderno De Graduação - Ciências Biológicas E Da Saúde - UNIT - ALAGOAS, 4(2), 69. Recuperado de https://periodicos.set.edu.br/fitsbiosaude/article/view/4079
Seção
Artigos