FATORES DE RISCO ASSOCIADOS A ACIDENTES OCUPACIONAIS COM MATERIAIS PERFUROCORTANTES ENTRE TRABALHADORES DA ÁREA DE SAÚDE

  • Nathalya Karina de Souza Farias
  • Cléssia Bezerra Alves Morato
  • Ana Paula Rocha da Costa

Resumo

Os acidentes de trabalho estão sempre presentes no dia a dia do profissional da área de saúde. Sua exposição é constante, sujeito a vários riscos, sendo eles: físico, químico, biológico, ergonômico ou de acidente. O maior número desses acidentes são pelos objetos perfuro cortantes, deixando o profissional vulnerável no seu ambiente de trabalho. O manuseio constante de materiais cortantes associados à rotina e o estresse deixam o profissional susceptível a acidentes, prejudicando a saúde do trabalhador e levando a danos pessoais e sociais ao indivíduo. Essa pesquisa tem como objetivo apontar os fatores de riscos, condutas e profilaxia a serem tomadas pelo profissional da área de saúde para a prevenção desses acidentes. Trata-se de um trabalho que busca ampliar a visão sobre as formas de precauções que devem ser aderidas no cotidiano, visando abordar todos os danos que os profissionais da área de saúde correm ao ter contato com os objetos cortantes e o quão são importantes às medidas preventivas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nathalya Karina de Souza Farias
Acadêmica do Curso de Biomedicina do Centro Universitário Tiradentes de Pernambuco – UNIT/PE.
Cléssia Bezerra Alves Morato
Biomédica; Mestranda em Patologia pela Universidade Federal de Pernambuco – UFPE.
Ana Paula Rocha da Costa
Doutora em Ciências Biológicas Universidade Federal de Pernambuco – UFPE; Biomédica; Professora do curso de Biomedicina do Centro Universitário Tiradentes de Pernambuco – UNIT/PE.
Publicado
2020-12-14
Como Citar
Karina de Souza Farias, N. ., Bezerra Alves Morato, C., & Paula Rocha da Costa, A. (2020). FATORES DE RISCO ASSOCIADOS A ACIDENTES OCUPACIONAIS COM MATERIAIS PERFUROCORTANTES ENTRE TRABALHADORES DA ÁREA DE SAÚDE. Caderno De Graduação - Ciências Biológicas E Da Saúde - UNIT - PERNAMBUCO, 4(3), 21. Recuperado de https://periodicos.set.edu.br/facipesaude/article/view/9871
Seção
Artigos